Turismo no Canadá

6 motivos que tem incentivado o turismo no Canadá entre brasileiros


O que era estimativa de alguns setores ligados ao turismo internacional se tornou realidade, ao menos é o que mostra os dados relacionados à ida de brasileiros a turismo no Canadá. Em comparação com fevereiro do ano passado o número de visitantes cresceu 32,1%, o que representou uma alta de 27% na média acumulada para os dois primeiros meses de 2015, o que equivale a 16.549 brasileiros a mais que visitaram o país.

Mas o que tem atraído cada vez mais turistas para o Canadá? É isso que vamos mostrar neste post.

Por que fazer turismo no Canadá?

Política de vistos – O Ministério da Cidadania e Imigração do Canadá tem desenvolvido leis e modificado processos que alavancaram a ida de estrangeiros ao país. O tempo para a obtenção do visto canadense diminuiu muito, uma vantagem se comparada ao dos visto para os EUA. São em média 15 dias úteis para o americano e 10 para o canadense.  No geral, o processo de visto canadense se tornou mais simples não só no Brasil, mas toda a América Latina tem se beneficiado.

como tirar visto canadense

Além disso, o visto canadense deixou de ser de única entrada e passou a ser múltiplas entradas e geralmente a sua validade é a mesma da do seu passaporte, o que permite você programar a viagem em médio prazo e revisitar o país. Outro ponto importante das mudanças é em relação à renovação do visto canadense (na verdade, apesar de os leigos chamarem de renovação, o processo é o mesmo para a solicitação de um novo visto). Quem já tiver ido para o Canadá ou Estados Unidos nos últimos 10 anos, não precisa apresentar a comprovação financeira para a viagem, a não ser que no meio do processo o oficial solicite.

Lembre-se também que a aplicação do visto de residente temporário serve para turistas e estudantes que fazem cursos de até 24 semanas (6 meses), ou seja, dá para conhecer o Canadá em uma viagem a turismo e depois planejar o intercâmbio para o próximo ano.

Dólar Canadense X Dólar Americano – Muito se comenta como a alta do dólar americano afugentou brasileiros dos Estados Unidos e de outros países onde o uso dessa moeda é mais comum entre turistas.

Essa realidade tem beneficiado quem não quer desistir de fazer uma viagem internacional a turismo ou intercâmbio de idiomas e escolhe o Canadá.

Obviamente é preciso estar atento às variações cambiais, mas a diferença entre o dólar canadense e o americano na média apresenta grande vantagem, cerca de 15% (dados de maio de 2015). Some isso ao custo de vida que também costuma ser de 20 a 30% mais baixo que nos Estados Unidos.

Alta temporada – O verão canadense é ótimo, temperaturas amenas, mas que em algumas regiões podem chegar aos 30°C em algumas regiões como Toronto e Montreal. Pessoas nas ruas, vida noturna animada e a natureza no ápice da exuberância. A alta temporada no Canadá está chegando e com ela também chegam turistas e estudantes. Com o país cheio de estrangeiros, a multiculturalidade pulsa ainda mais em algumas cidades onde isso já é uma característica própria.

O país incentiva a prática de esportes ao ar livre e tem muitos subsídios para isso. Alpinismo, trilhas, mountain bike, esportes aquáticos, aventuras em reservas ecológicas, ou a simples contemplação a natureza... Uma variedade imensa de atrações nas cidades canadenses que estão muito preparadas e apreciam receber os estrangeiros.

O turismo cultural também é mais agradável aos brasileiros nessa época, seja para viagens por ferrovias históricas, em caminhadas em prédios, museus e galerias ou para ouvir música nos inúmeros festivais espalhados por todo o país, andar pelas ruas com temperaturas amenas faz render mais os passeios.

Voos diretos para o Canadá– Desde dezembro de 2014 a Air Canadá têm operado voos regulares, três vezes na semana, do Rio de Janeiro (Rio – Toronto). A companhia também tem opções saindo de Guarulhos. Também com destino ao Canadá, porém com escala em Nova York, a TAM oferece voos em cinco dias da semana. Lembrete: optando por voo com escala nos Estados Unidos é preciso requerer o visto americano e seguir o processo do consulado.

Hospitalidade dos canadenses – Seria uma bobagem se o Canadá não tivesse as dimensões continentais que abrigam distintas heranças e características frutos das colonizações inglesa e francesa. Os canadenses estão acostumados a receber estrangeiros e se orgulham em manter sua história preservada, assim como suas riquezas naturais, para ser conhecida por outras culturas.

Seja em cidades mais modernas como Vancouver, ou em pacatas e litorâneas como New Brunswick o turista é bem visto e tem a oportunidade de conhecer o estilo de vida de canadenses natos ou imigrantes que lá vivem. Fato que estimula o desejo de imigrar para o Canadá.

Férias no exterior gastando menos – É frustrante adiar um sonho, não é verdade? Para muitos, essa alta do dólar não estava prevista quando os preparativos da tão sonhada viagem internacional começaram, principalmente para quem faz planos de economia financeira em longo prazo.

Com a popularização do Canadá como destino turístico e para estudar inglês ou francês, as informações positivas sobre a cultura, qualidade de vida, segurança, exuberância e atrações turísticas têm chegado em maior qualidade e mais frequentemente aos brasileiros. Nós aqui do Visto para o Canadá temos falado muito disso em nossos posts. Isso tem expandido o leque de opções de quem almeja uma experiência no exterior. Além do mais, o visto descomplicado e a possibilidade de estudar outro idioma sem precisar de outra aplicação são fatores de muita importância para quem enxerga uma viagem além da diversão e compras.

Esses seis motivos já seriam suficientes para escolher fazer turismo no Canadá nas férias de julho, mas o lugar é incrivelmente rico em atrações e proporciona experiências de viagem muito positivas que exemplificam o porque é o 8°melhor país para se viver e o 9° mais seguro do mundo (ONU).

 

Autor: Alexandre Luis Pedrosa – Sabe Tudo sobre o Canadá. Quer ajuda? Escreva direto para o autor: alexandre@vistoparaocanada.com.br

 


Alexandre Luis Pedrosa

sobre Alexandre Luis Pedrosa

Já viajou pelo Canadá de ponta a ponta. Sabe tudo sobre o Canadá. Certificado pela Comissão de Turismo Canadense; Especialista em vistos, imigração e sobre o Sistema Educacional no Canadá e Consultor no setor de vistos para diversas agências e empresas do Brasil. Escritor de contos e do E-book "99 atividades e atrações grátis para fazer no Canadá". Um eterno apaixonado pelo Canadá.

Escreva para nós aqui >