Imigrar para o Canadá com a Família

Serviços públicos no Canadá aumentam a qualidade de vida de quem vai imigrar para o Canadá com a família


Vida prática e lazer se misturam nos serviços públicos no Canadá e voltam os olhos dos brasileiros que querem imigrar para o Canadá com a família, garantindo alta qualidade de vida.

Educação e saúde pública de qualidade, segurança, opções de lazer diversas, contato com a cultura e a natureza locais são chamarizes para quem sonha em imigrar para o Canadá com a família. As vantagens que o país agrupa surpreendem no dia-a-dia. Os parques, as bibliotecas, community centre as áreas de lazer das escolas abertas nos finais de semana… A gama de serviços públicos no Canadá é realmente impressionante, são organizados e, em maioria, gratuitos, fato que eleva substancialmente a qualidade de vida no país que já é considerado o segundo melhor para se viver.

Saúde Pública para quem vai imigrar para o Canadá com a Família

Um dos itens mais caóticos no Brasil, a saúde pública, é quesito prioritário, principalmente para quem vai imigrar para o Canadá com a família. O serviço é público em todo o país e requer pagamento de taxa individual ou familiar (a partir de 3 pessoas). Em Britsh Columbia, por exemplo, as taxas são CAD $ 69.25 e CAD $ 138,50 (2015), respectivamente.

O imigrante precisa se atentar é que há carência nos 3 primeiros meses. Se a saúde é item indispensável ou existe o receio de ficar descoberto será necessária então a contratação de um seguro de saúde para esse período.

Oftalmologia, odontologia e especialidades, fisioterapia, psicologia, terapias ocupacionais ficam de fora do sistema público de saúde de BC, por exemplo. Essas especialidades e serviços podem ser contratados de forma particular ou constam em um plano de saúde privado.

Outra característica que se diferencia do Brasil é eleger um médico de família que atenderá em primeira ordem as necessidades, entendendo o histórico de saúde daquela família e acionando outras especialidades, se necessário. Se estiver de mudança para BC, acesse o site do College of Phisycans and Surgeons of Britsh Columbia para mais informações sobre os médicos de família. Há quem viva no Canadá há anos e não viu necessidade de contar com um médico de família.

Vale dedicar um espaço aqui para falar do trato com as crianças na saúde pública canadense. O médico de família é aquele que atenderá, na maioria dos casos, as gestantes e as crianças, procedendo até com partos. Obviamente, se o caso não for solucionado nesses atendimentos o paciente é encaminhado para a respectiva especialidade. O suporte à saúde da família também existe por telefone, em postos de saúde, hospitais para emergências e realização de exames e na walk-in clinic, junto ao clínico geral.

Quem vai morar no lado francês, na província do Quebec, o sistema é parecido.

Contratar um plano privado é necessidade para alguns e isso faz o custo de vida subir. Atente-se às políticas da província em relação aos reembolsos para reduzir os custos.

 

Opções de lazer gratuitas no Canadá

Depois de falar de saúde é hora do lazer. Os parques, espaços públicos e community centres são  totalmente voltados para a qualidade de vida dos canadenses e imigrantes. As restrições entre públicos são mínimas, em alguns lugares nem existem, grande parte são gratuitos, os que cobram, as taxas são mínimas, a partir de CAD$ 2.

Não se espante em encontrar praias formadas a partir de lagos dentro de parques, como acontece no Parc Jean-Drapeau, em Montreal. Isso é comum no Canadá. A vantagem são os espaços amplos e a infraestrutura básica garantida.

As coisas para fazer no Canadá gastando pouco, ou quase nada, são excelentes oportunidades para os recém-chegados se adaptarem e conhecer pessoas. Os community centres, encontrados por todo o Canadá, propõem atividades diversas, entre esportes, recreação e cursos rápidos para as crianças e adultos. Há cidades que concentram mais de 20 desses locais, como acontece com Vancouver e Toronto, duas cidades entre as preferidas para imigrar entre os brasileiros. Ainda falando em economia, imigrar para o Canadá com a família é um projeto de custos altos use as dicas do e-book 99 atividades e atrações Grátis no Canadá para explorar melhor o país sem estourar o orçamento.

A forma organizada como o Canadá lida com esses serviços ajuda muito na hora de encontrar um centro comunitário que atenda as necessidades. Vancouver mantém um site oficial para informações, o mesmo acontece com Toronto e outras cidades e províncias.

Os parques canadenses são uma marca local. Há cidades com milhares deles que recebem visitantes em busca de experiências diversas, desde contemplação à prática de esportes, além das programações voltadas para festivais que reúnem música, exposições de arte, recreação… A distribuição das áreas verdes e parques pelo Canadá procura atender até mesmo grandes centros urbanos. Acesse a lista de parques, jardins e praias em Vancouver e veja as possibilidades muito além dos famosos Stanley Park e Capilano. Levar a família para um dia de sol na praia do Whytecliff Park, em West Vancouver, é a prova de como dá para fazer coisas maravilhosas sem gastar muito. Quer saber dos parques em Toronto? Clique aqui.

As bibliotecas dão um show em arquitetura e acervo. Algumas cidades, além da biblioteca municipal, distribuem bibliotecas menores pelos bairros para garantir o acesso da população. Os prédios costumam ter áreas infantis e serem muito amplos e bem decorados, isso fica claro na Millennium Library (Winnipeg) e na Vancouver Public Library (biblioteca pública de Vancouver).

Falando em cultura, a educação no Canadá é um assunto recorrente. Falamos com mais detalhes sobre isso no texto sobre Imigrar para o Canadá com filhos.

 

Transporte público no Canadá

Outro assunto amplamente discutido entre os brasileiros é o transporte público e esse item causa muita curiosidade em quem quer imigrar para o Canadá com a família. Obviamente que agradar a todos é impossível, mas a organização e logística de funcionamento do transporte público canadense chamam atenção. Em grande parte das cidades há metrô, ônibus e street car que funcionam pontualmente e de forma sincronizada, com possibilidade de baldeação de forma simples com tickets diários ou mensais (em Toronto são chamados de Metropass).

 

Lazer grátis no Canadá nas 4 estações do ano

No Canadá todas as estações do ano têm seus fãs cativos e atividades diárias. As cidades com gelo no inverno têm pistas de patinação gratuita, como Vancouver que em dezembro abre a pista da Robson Square. No outono os parques, jardins e reservas naturais ficam lotados de amantes da estação mais bonita do Canadá, o mesmo acontece na primavera. O verão de Vancouver é solar, agradável e charmoso, basta ler o nosso post 12 atrações imperdíveis para o seu roteiro no charmoso Verão em Vancouver e se deliciar com as atividades.

Opções de lazer gratuitas e baratas, museus, bibliotecas, parques, praias, prédios históricos. Isso tudo somado aos serviços públicos que buscam qualidade e eficiência reforçam o que hankings e pesquisas mundiais apontam: o Canadá é um dos melhores países para viver. Não é à toa está na mirados brasileiros que sonham e planejam imigrar pra o Canadá com a família.

Você deseja saber mais sobre imigração?  

 

 

Autor: Alexandre Luis Pedrosa – Sabe tudo sobre Visto para o Canadá, Como imigrar para o Canadá e Estudar no Canadá. Não tenha vergonha e Pergunte >>>

Quer ajuda? Escreva direto para o autor: alexandre@vistoparaocanada.com.br


Alexandre Luis Pedrosa

sobre Alexandre Luis Pedrosa

Já viajou pelo Canadá de ponta a ponta. Sabe tudo sobre o Canadá. Certificado pela Comissão de Turismo Canadense; Especialista em vistos, imigração e sobre o Sistema Educacional no Canadá e Consultor no setor de vistos para diversas agências e empresas do Brasil. Escritor de contos e do E-book "99 atividades e atrações grátis para fazer no Canadá". Um eterno apaixonado pelo Canadá.

Escreva para nós aqui >