A isenção de visto canadense para brasileiros começa em març… Ops! Vai atrasar 4


A novidade pegou de surpresa quem contava com o novo processo de isenção de visto canadense para brasileiros sem o visto de turista.

A noticia sobre a isenção de visto canadense para brasileiro que causou furor até mesmo em quem não seria contemplado (e teve muita gente equivocada) foi ventilada em sites e informativos de todo o Brasil em outubro do ano passado. Entre informações desencontradas, euforia e expectativas, a nota veiculada pelo Governo Canadense permaneceu intacta, mas um comunicado oficial divulgado este mês para algumas empresas e consultores de imigração tornou a situação do Brasil, Bulgária, México e Romênia delicada, quando informaram o atraso no processo Electronic Travel Authorization (eTA).

Quando surgiu a informação sobre a isenção de visto canadense para brasileiros?

Na realidade, a nota do Governo dava como certa a implantação do programa, isso em maio de 2015, mas não determinava que os países citados fossem imediatamente incluídos ao processo, informações encontradas na versão editada em outubro do mesmo ano. A nota deixa a entender ainda que, se bem sucedida, essa medida poderá ser ampliada, na primeira oportunidade.

Para “colocar mais pimenta” na história, na lista de países que precisam de visto canadense disponibilizada no site do Governo o Brasil aparece entre eles. Ok, mas 15 de março ainda não chegou. Correto. Estaria tudo normal, mas na nota que se encontra logo no topo da página reforça a data de início eTA e antecede dois links muito importantes: Países e territórios cujos cidadãos precisam de visto para viajar para o Canadá e Países e territórios cujos cidadãos precisam de uma ETA para viajar para o Canadá. Em que momento a isenção de visto canadense para brasileiros deixou de constar na lista do eTA? Não sabemos, mas essas páginas foram atualizadas em novembro no ano passado.

 

Quais brasileiros estariam (ou estarão) isentos do visto canadense?

Ficariam isentos do processo tradicional do visto canadense de turista, brasileiros que visitaram o Canadá nos últimos 10 anos, ou que tenham o visto americano válido, ou mesmo o Green Card e que sejam aceitos a aplicar após a avaliação do perfil pré-cadastrado junto à imigração. Como a antecedência é sempre uma boa pedida, antes de se cadastrar no eTA é aconselhável verificar sua elegibilidade para saber se, na realidade, precisa de um visto canadense. A medida é valida exclusivamente para entrada no Canadá por vias aéreas.

 

Mas… E em março, haverá ou não a isenção de visto canadense para brasileiros?

As novas informações demostram que haverá atraso na flexibilização da isenção de visto canadense para brasileiros, mas não dão conta da retirada do Brasil da lista de contemplados. Isso pode acontecer? Pode, mas não é uma certeza.

Os elegíveis ao eTA, que programaram a ida ao Canadá após lançada a nova fase do processo de solicitação eletrônica certamente ficaram decepcionados com a “novidade”, mas alguns fatores devem ser levados em consideração, tais como o aumento da procura do Canadá por brasileiros e a tendência que assistimos por aqui do crescente número de solicitações realizadas por conta própria, por pessoas totalmente leigas e muitas vezes despreparadas para enfrentar o passo a passo do visto canadense online. Além disso, o Canadá tem um novo Primeiro Ministro que estabeleceu algumas frentes em seu governo, uma delas, prevê melhorias nos programas de imigração e entrada de visitantes no Canadá, mas evidentemente que isso não acontecerá em poucos meses. Progressos como esses precisam de estudos, planejamento e testes antes da total implementação.

Para aqueles que precisarão de uma resposta mais atualizada do Governo do Canadá, na Central de Ajuda foi disponibilizada uma resposta clara sobre o assunto.

 

O que fazer diante disso?

Atualmente, os brasileiros contam com um processo seguro, que funciona e é acessível para grande quantidade de pessoas. Ele é conhecido como Visto Canadense de Visitante. Entretanto, conforme comentamos acima, o número de pessoas aplicando para o visto canadense aumentou, assim como a vontade dos brasileiros de ir estudar no Canadá e trocar a viagem de férias para um destino “mais em conta”. Com esse fenômeno, a quantidade de pessoas dispostas a enfrentar o processo de solicitação de visto sozinhas, mesmo despreparadas e contando com a ajuda de tutoriais e opiniões de terceiros também aumentou. A Imigração Canadense percebeu isso, graças às solicitações com erros que tem recebido.

Se não tiver interesse em fazer parte desse grupo e não quiser arriscar o prazo da sua viagem, o aconselhável é contar com um despachante de visto. Além da segurança de contar com um especialista para preencher os formulários e realizar os pagamentos, a análise de seus documentos evitam erros desnecessários e tudo com mais agilidade. Saiba mais vantagens de forma simples e descomplicada aqui.

Claro que a novidade de contar com um processo que flexibiliza a entrada e propõe a isenção de visto para brasileiros é empolgante, sobretudo aos elegíveis, mas não se deve deixar de lado as regras que estão em vigor e funcionando adequadamente.

 

 

Autor: Alexandre Luis Pedrosa – Sabe tudo sobre Visto para o Canadá. Pergunte!

Quer ajuda? Escreva direto para o autor: alexandre@vistoparaocanada.com.br


Alexandre Luis Pedrosa

Sobre Alexandre Luis Pedrosa

Já viajou pelo Canadá de ponta a ponta. Sabe tudo sobre o Canadá. Certificado pela Comissão de Turismo Canadense; Especialista em vistos, imigração e sobre o Sistema Educacional no Canadá e Consultor no setor de vistos para diversas agências e empresas do Brasil. Escritor de contos e do E-book "99 atividades e atrações grátis para fazer no Canadá". Um eterno apaixonado pelo Canadá.


Escreva para nós aqui >

4 pensamentos em “A isenção de visto canadense para brasileiros começa em març… Ops! Vai atrasar